ARCHIKIDZ LISBOA NO OPEN HOUSE LISBOA 2017

Teatro Nacional Dona Maria II, Lisboa | 23-24 Setembro 2017

A MINHA CASA É A MINHA CARA

Somos actores dos espaços em que vivemos. E como actores que somos, que melhor lugar da cidade para realizar esta actividade que um teatro?
Em tom de brincadeira esta actividade aproxima o participante a questões importantes da arquitectura e do próprio ser humano. Propõe-se ao participante pensar sobre dois aspectos da relação do ser humano com a arquitectura: a visão antropológica – aquela que reconhece instintivamente uma cara em diferentes situações visualizadas sejam eles objectos ou espaços e a noção da arquitectura como a nossa segunda pele – a nossa imagem, para alguns a roupa que vestimos.
O participante terá oportunidade de pensar em como é ele próprio, gostaria de ser ou a forma como gostaria de ser reconhecido (tanto sobre o ponto de vista físico como de carácter) – no fundo uma forma de pensar na nossa própria identidade, que está intimamente ligada ao espaço em que vivemos, apropriamos e a que nos adaptamos. Esta actividade enfatiza assim a relação do espaço e a forma como este condiciona a conduta do usuário e a construção da sua própria identidade. Também por esta razão se diz que somos actores dos espaços em que vivemos.

Actividade criada por Archikidz Lisboa para integrar no Open House Lisboa 2017 – Organização da Trienal de Arquitectura de Lisboa.

http://www.trienaldelisboa.com/pt/

http://www.openhouselisboa.com/junior/ 

www.tndm.pt/

Entrada livre. Sessões de 30 minutos. Para Crianças dos 5 aos 10 anos. Número máximo de crianças por sessão 10. A criança inscrita deverá ser acompanhada por um adulto. Um adulto poderá acompanhar até 2 crianças.

Imagens do evento:

Fotografia: Etxeberri Francés